Voando livre no por do sol - Pedra da Gávea - verão 2014

Rio de Janeiro , 3a feira - 28 de janeiro de 2014

Olá galera do SUP ,
Atualmente eu tenho dividido o meu tempo entre as aulas, passeios e travessias de SUP, e os voos duplos panorâmicos de instrução
com asa delta na Pedra Bonita - que certamente é um dos melhores lugares para a pratica do voo livre no mundo .
Por isso hoje eu quero compartilhar com vcs um pouco dessa experiencia maravilhosa, postando aqui as fotos desse voo de ontem no pôr do sol de verão, com a minha sortuda aluna Raiza ... Essas imagens na postagem abaixo falam mais do que qualquer palavra !

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Travessia com a 12'6" - modelo Jamie Mitchell da SURFTECH







Graças ao meu amigo e parceiro Bob Araújo; um dos maiores entusiasta e fissurados em SUP que eu conheço , hoje finalmente experimentei a 12'6" da marca SURFTECH, uma prancha que foi desenvolvida pelo já legendário " Jamie Mitchell" - australiano que é o recordista da prova e o maior vencedor da tradicionalíssima e muito disputada travessia num percurso de 32 milhas náuticas ( aprox. 54 kms ) , que acontece anualmente entre as ilhas de Molokai e Oahu no Havaí .
Ao contrário da minha prancha ART IN SURF - também com 12'6" - que uso para travessias e passeios longos, esse modelo de SUP da marca SURFTECH é especial para remadas oceânicas sobretudo para condições de vento "downwind" , mas com um desenho hidrodinâmico que impossibilita o surf .
O teste foi hoje de manhã aproveitando o mar "flat" , tempo nublado e o vento sudoeste com bôa intensidade , num percurso de aprox. 7,5 kilômetros entre a guarderia do Pepê até o Hotel Intercontinental que fica em frente a minha casa .
Tentei contactar alguns amigos para uma parceria nessa jornada, mas como muitos já saíram do Rio para o "reveillon", decidi pegar o "179 Alvorada" no ponto da Estrada da Gávea em frente da minha casa p/ saltar ali na Av. Érico Veríssimo na Barra bem perto da guarderia ...

Depois de alguns minutos constatei que a prancha é bem veloz no "downwind" , mas rápidamente concluí que para aproveitar todo o seu potencial de velocidade no mar mexido e com vento forte é preciso um pouco mais de treino pois ela é bem instável e por isso caí várias vezes completando o percurso em 51' .
Acredito que com um pouco mais de treino com essa prancha, poderei reduzir considerávelmente o tempo gasto hoje nesse percurso ...
Realmente, como eu já imaginava, esse tipo de SUP exige muito mais equilíbrio o que aumenta bastante o desafio atlético em relação a todos os outros modelos de SUP que eu já experimentei até hoje ...
Mas apesar da "surra" que eu de fato tomei até conseguir algum equilibrio e velocidade na travessia, curti muito o grau de dificuldade que senti, algo que eu não podia imaginar depois de um bom tempo de dedicação ao SUP ; e principalmente, porque já treinei bastante com uma prancha "Bonga Perkins com 10'e 27' de largura que também exige bastante equilíbrio, mas nada parecido com esse "foguete" do Bob (...)
Espero que vcs curtam as fotos que foram feitas a partir do trajeto no ônibus !

Obs : Alô galera que vai passar o ano novo em Buzios ! Parece que amanhã e depois vai dar altas para o SUP surf na praia em frente a bôca do rio de Barra de Una; e talvez , até mesmo lá na laje ! Portanto, se vcs puderem dar um pulo lá para conferir , acho que vai valer a pena o treino lá naquelas marolinhas perfeitas com o vento sudoeste que lá é terral de frente no pico .

Um forte abraço em todos vocês , com os votos de um 2011 com muita saúde , paz , amor; e muitos dias inesquecíveis de SUP surf com os amigos ...

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Passeio de SUP em Paraty






No início dessa semana o meu amigo Arnaldo Borges - campeão Carioca de SUP surf e grande  entusiasta e aficcionado do esporte - , me enviou essas fotos do belíssimo passeio que curtiu recentemente pela região de Paraty, mais precisamente num rio localizado no saco de Mamanguá ,  lugar ainda bem sossegado e pouco frequentado durante a maior parte do ano e aonde mora o maior nome da circunavegação solitária - o internacionalmente afamado Amir Klink (...)
Reparem nas fotos, que no início da subida do rio a água se encontrava escura e turva ; mas a medida que êle subia em direção a parte mais alta do mesmo, a grata supresa com a transparência cristalina da água ao se aproximar de belas cachoeiras ...
Por trabalhar bôa parte do tempo entre Portogalo e Paraty  e frequentar essa região desde criança, êle conhece e curte intensamente esse que considera como sendo o litoral mais belo de todos que já conheceu pelo mundo afora ...  
A exuberância da mata atlântica por lá remanescente e incrustada no imponente relêvo que a emoldura , contribui demais para essa beleza deslumbrante encontrada naquela região que abrange a Ilha Grande , Angra dos Reis e Paraty  , e encanta os turistas vindo de qualquer lugar de todo o país, e do mundo ...

domingo, 5 de dezembro de 2010

Comandante Sansoldo pesca lulas a bordo do seu SUP ...





Durante algum tempo o meu amigo Comandante Sansoldo vem me dizendo que queria muito fazer uma pescaria de lula a bordo do seu SUP . Ontem ele aproveitou a maré cheia no meio do dia, e partiu remando com o seu SUP de dentro do canal do quebra mar - no início da Barra - em direção ao costão do clube Costa Brava, aonde em pouco mais de 1 hora pescou 2 kgs de lulas ... As fotos estão aí, para provar que não se trata de história de pescador (...)

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Pepino - chapéus dos pescadores (av. Niemeyer) - Pepino











Rio , 3 de dezembro de 2010

Inspirado por alguns amigos que não trabalham mais as sextas feiras, resolvi aproveitar a hora do almoço de hoje para curtir um mergulho no mar no horário de almoço; um programa típico do carioca nos meses de verão, principalmente dos que tem o privilégio de morar e trabalhar perto do mar ...
Dessa vez a minha mulher foi comigo , mas preferiu pegar um bronzeado tomando uma agua de côco na tranquila e belíssima praia do Pepino em São Conrado ; enquanto eu aproveitava a agua do mar clara e limpa para fazer um passeio espetacular ao longo da praia de São Conrado , remando contra o vento leste que soparava constante desde a "biruta" do voo livre, até o chapéu dos pescadores ( que fica debruçado ali na Av. Niemeyer , um pouco antes do "Vips Motel" ), só para ter o prazer de voltar remando a favor do vento ("downwind" ) tendo pela frente aquele visual deslumbrante que é o relêvo em forma de moldura no majestoso e imponente vale de São Conrado, bairro onde moro desde 1975; e adoro ...
O tempo de duração do passeio com o meu SUP 12'6" da ART IN SURF : 37' na ida e 20' na volta .